O Fundador

Conheça história do fundador São João Batista de La Salle



Nicolle Moët de Brouillet, mãe de São João Batista De La Salle
Fechar
Nicolle Moët de Brouillet, mãe de São João Batista De La Salle
Nicolle Moët de Brouillet, mãe de São João Batista De La Salle

A Origem

Louis de La Salle, futuro pai de nosso fundador, era conselheiro do rei e presidente da corte real em Reims. Sua mãe, Nicolle Moët de Brouillet, era filha de nobres, cuja família era famosa em toda a região de Champagne pelos vinhedos e poder. Deram à luz seu primeiro filho e o batizaram de João Batista De La Salle.

Mapa de Reims à época do nascimento de La Salle
Fechar
Mapa de Reims à época do nascimento de La Salle
Mapa de Reims à época do nascimento de La Salle

O Nascimento

La Salle nasceu em Reims, na França, em 30 de abril de 1651 e se tornaria um sacerdote e grande educador do século XVII.

La Salle atua como Diácono da Catedral de Reims
Fechar
La Salle atua como Diácono da Catedral de Reims

A Juventude

Desde muito jovem, João Batista sentiu-se chamado a consagrar-se a Deus. Ingressou no Seminário em Paris e estudou na Universidade Sorbonne as disciplinas de Encarnação, Sacramentos e Trindade. Em seguida, em função do falecimento de seus pais, transferiu seus estudos para sua cidade natal, onde passou a atuar como Diácono na Catedral.

La Salle celebra sua primeira missa
Fechar
La Salle celebra sua primeira missa
La Salle celebra sua primeira missa

A Ordenação

Ele celebrou a primeira missa na Capela de Nossa Senhora. Em seguida, aos 26 anos, foi ordenado padre. No mesmo período, concluiu seus estudos em Teologia na Universidade de Reims. Em 1679, passou a compor a direção daquela Universidade.

La Salle visita orfanato da Congregação das Irmãs do Menino Jesus
Fechar
La Salle visita orfanato da Congregação das Irmãs do Menino Jesus
La Salle visita orfanato da Congregação das Irmãs do Menino Jesus

O Encontro

Em visita a um orfanato, gerido pela Congregação das Irmãs do Menino Jesus, São João Batista encontrou-se com um rapaz que ambicionava abrir uma escola para jovens pobres. Adrian Nyel buscava auxílio das Irmãs para sua missão. Solidário para com suas intenções, La Salle o auxiliou a concretizar seus planos acolhendo o jovem e, inclusive, professores em sua residência. Com sua ajuda, a primeira escola abriu suas portas no dia 15 de abril de 1679.

Catedral de Reims
Fechar
Catedral de Reims
Catedral de Reims

A Renúncia

Em 1682, formado Doutor em Teologia pela Univerdade de Reims, João Batista renuncia ao cargo de cânone da Catedral de Reims, abrindo mão do status, benefícios, rendimentos e das responsabilidades relacionadas a esse posto. O caminho estava livre para a grande missão de sua vida. Nessa época, os professores acolhidos por De La Salle pediram a ele que se tornasse seu confessor, adotaram práticas de oração comunitária e decidiram chamar a si mesmos de Irmãos. Após muito refletir, De La Salle, entende que tratar-se-ia de um chamado para dedicar sua vida a cuidar das escolas a ele confiadas.

La Salle distribui pães aos pobres
Fechar
La Salle distribui pães aos pobres
La Salle distribui pães aos pobres

A Caridade

Na grande fome que assolou a França entre 1683-1684, São João Batista distribuiu a herança de sua rica família (cerca de US$500mil em dinheiro de hoje) para os pobres, entregando diariamente pão a todos que precisavam.

La Salle dedicava atenção à formação de professores que educariam os mais pobres
Fechar
La Salle dedicava atenção à formação de professores que educariam os mais pobres
La Salle dedicava atenção à formação de professores que educariam os mais pobres

A Missão

A partir disso, João Batista dedicou-se à formação de professores destinados à educação de crianças e jovens, principalmente dos mais pobres. Sua missão, entretanto, encontrou oposição nas autoridades eclesiásticas, que não desejavam a criação de uma nova forma de vida religiosa, uma comunidade de leigos consagrados, ocupando-se das escolas, juntos e por associação. Os paradoxos educativos da época também foram contrariados pelas práticas inovadoras e pelo desejo de gratuidade absoluta para todos que João Batista defendia.
Fundou em 1680, vencendo as resistências, o Instituto dos Irmãos das Escolas Cristãs, também conhecidos simplesmente como a Ordem dos Irmãos Lassalistas. Trata-se da primeira congregação religiosa masculina constituída exclusivamente de religiosos leigos, isto é, não sacerdotes. La Salle contribuiu para o surgimento da "civilização escolarizada", defendendo a obrigatoriedade do ensino também para a classe popular, possibilitando o acesso à educação pela gratuidade universal e cooperando para a melhoria da escola, sobretudo primária, com a fixação de um currículo mais preciso e rico e sua administração mais eficaz.
 

Cercado de Irmãos São João Batista De La Salle sobe aos céus
Fechar
Cercado de Irmãos São João Batista De La Salle sobe aos céus

A Morte

Próximo das 04:00, Sexta-feira Santa, 7 de abril de 1719, João Batista De La Salle fez um esforço para levantar-se da cama, como que para cumprimentar alguém, então juntou as mãos, ergueu os olhos ao céu e morreu.

Seu corpo descansou na capela de St. Suzanne. O corpo foi colocado sob o altar lateral no Sábado Santo. Em 1906, as relíquias de La Salle foram transferidas de Rouen para a Casa Generalícia em Roma, em seguida, em Lembecq-Les-Hal, na Bélgica, e depois, em 1937, finalmente, para a nova Casa Generalícia, na Via Aurelia, em Roma.



São João Batista De La Salle é canonizado
Fechar
São João Batista De La Salle é canonizado
São João Batista De La Salle é canonizado

Neste mesmo dia, em 1950, o Papa Pio XII declarou São João Batista De La Salle Padroeiro Universal dos Professores e Estudantes de Magistério. Justamente por isso, comemora-se nesta data o Dia De La Salle. No Rio Grande do Sul, por ato do Governador Ildo Meneghetti, La Salle foi escolhido como Patrono do Magistério Gaúcho.